quarta-feira, 13 de novembro de 2019

Série: PLANTIO E COLHEITA - Tema: "Outros 70"



TEMA: OUTROS 70

Luc. 10: 1   – “Depois disto, o Senhor designou outros setenta; e os enviou de dois em dois, para que o precedessem em cada cidade e lugar aonde ele estava para ir.”

(É fundamental que todos leia o Capítulo 10: 1 a 12 e 17 a 24)

Depois disso, o que? Rssss Lucas depois de relatar a “lambaça” que os Doze, não eram qualquer um, eram os doze destinados a serem os Apóstolos do Cordeiro, pessoas, cujos nomes seriam gravados nos Fundamentos da Nova Jerusalém... ISSO É MUITO GRANDE!

Mas, aprendemos que ninguém é um super-herói. Todos temos dificuldades, cometemos erros e podemos melhorar (se não desistirmos). 

Mas, o foco maior é que a obra que CRISTO VAI REALIZAR, não será feita por alguns “super-apóstolos”, alguns líderes muito “carismáticos”...

O que Jesus está por fazer será realizado com gente SEM NOME...

OUTROS 70...

Essa expressão: OUTROS 70, nos remete às 70 nações, um número “mítico”, que remete aos descendentes de Noé com os quais teriam surgido todas as nações da Terra, chamados ainda hoje pelos judeus de: “As Setenta Nações”. É como se Jesus ali, naquele “laboratório”, naquele tempo de preparo, de discipulado, de formação, Ele nos desse um exemplo do que faria, de como seu PROPÓSITO poderia ser alcançado.

Ele envia, gente sem nome, sem título e dá as mesmas orientações que deu aos doze, porém as explica de forma mais pormenorizada, coisa que nos deve levar a aplicar toda a nossa atenção por discernir e aplicar.

1º Eles iriam anunciar a Vinda de Cristo (O MASHIACH ESTÁ VINDO!) – MARANATA! Assim com a mulher Samaritana (em João 4), vai e anuncia à toda a cidade o que Jesus tinha lhe feito e falado, porém ela não prende as pessoas a ela, mas, os direciona a Cristo e todos então declaram que não criam mais, pelas palavra dela, mas, porque pessoalmente o conheceram e testificaram a respeito Dele. Nosso papel é preparar O Caminho do Senhor. Ele e somente Ele pode salvar. Não a nós, irmãos, mas, ao Nosso Deus sejam a Honra e a Glória para sempre!

2º Há muito trabalho para ser feito, há muitos lugares e pessoas para serem alcançadas. Não deseje fazer tudo sozinho, ninguém consegue. Ore para que Deus envie mais trabalhadores, mais pessoas dispostas a realizar esta grande obra. Não estamos mais no tempo das “grandes estrelas”- TODO MUNDO QUE SE DISPOR SERÁ USADO POR DEUS. A OBRA, O MINISTÉRIO É DE CRISTO E NÃO NOSSO!

3º Estamos sendo enviados para uma Guerra! Para saquear o Inferno e povoar os Céus... Estamos indo no Campo de atuação do nosso Inimigo: CONFIE NO ENVIO E EM QUEM ESTÁ NOS ENVIANDO! CONFIE QUE NADA NOS FALTARÁ! CONFIE QUE SE NÓS FORMOS SEM OLHAR PARA TRÁS, ELE NOS RESPALDARÁ EM TUDO! Não se preocupe com o que vai comer, vestir, aonde vai morar... Estas coisas nos serão todas acrescentadas: FOQUE NO ALVO! QUE SÃO AS VIDAS!!!!

4º Seja simpático – “Paz seja convosco!” – Nossa Mosca, nosso Goal, nossa Meta é alcançar vidas para as quais Cristo nos tem designado... Este foco não pode ser perdido de vista, mas, precisamos ganhar a confiança das pessoas, porque quem nos enviou AMA ESTAS PESSOAS, à tal ponto de ter dado Sua Própria Vida no lugar delas. 

Portanto: Seja simpático, seja agradável, puxe um bom papo, se interesse (de verdade em ouvir as pessoas, em saber de suas histórias), faça algo que te vier às mãos para fazer, através de alguma ação, de algum serviço, podemos despertar a atenção e a simpatia das pessoas.

5º Coma tudo o que te oferecerem. Tenha paciência, permaneça na porta que nos foi aberta. Não é hora no início de falar muito, mas, de ouvir, de ver, de perceber, de comer, de se enturmar, de demonstrar empatia, interesse pelas pessoas, simplicidade, disponibilidade, atenção. NÃO IMPORTA O QUE AS PESSOAS FALAREM PARA VOCÊ, O ASSUNTO QUE ELAS PUXAREM... Não cause uma discussão, não tente provar que estão erradas, CONFIE... Coma, ouça, perceba, PERMANEÇA.

6º Curai os enfermos. Quando as pessoas realmente nos recebem, passam a confiar em nós, percebem que somos pessoas que se importam com elas, invariavelmente elas vão contar sobre suas lutas, suas dores, suas dificuldades... ESTA É A HORA DE CRISTO SER EXALTADO!!!! Interessados de coração por estas vidas, vamos pedir ao Nosso Deus e Pai, respostas para tais situações e os enfermos serão curados, os cativos serão libertos, as situações que pareciam impossíveis vão se desembaraçar, porque QUEM NOS ENVIOU PARA ESTA OBRA, ESTÁ À DESTRA DO PAI, NAS MAIORES ALTURAS, COOPERANDO CONOSCO E CONFIRMANDO AS PALAVRAS QUE EM SEU NOME, FALARMOS.

Nós vamos preparar O CAMINHO PARA ELE. Como? Curando as pessoas! Aplicando O SOBRENATURAL DELE... Para o Testemunho Dele ser compartilhado com as Vidas... Nesta caminhada de Fé, Ele vai nos respaldar!

7º Só ENTÃO, Anunciais: “O REINO DE DEUS É CHEGADO ATÉ VÓS”... Quando seguimos os Passos do AMOR (JESUS É O AMOR), tudo se dará na hora certa. No lugar de querermos enfiar Jesus “à força”, nas pessoas, precisamos saber esperar a hora Dele, a hora certa!

8º O Que fazer se nos rejeitarem? Nada! Não mudar por uma, ou muitas rejeições, já que não somos nós quem estamos sendo rejeitados, mas, Aquele que nos enviou. Se cremos que uma vida vale mais que O Mundo inteiro, nossa contagem deve ser: Quantos quiseram a Cristo e não quantos o rejeitaram. O Evangelho no entanto, estará sendo Anunciado e devemos asseverar que (querendo ou não) O Reino de Deus está próximo!


RESULTADO:

·  A Glória será sempre de Cristo, mas, a Alegria é nossa!

Os discípulos voltaram embasbacados porque viram que o Mundo espiritual da maldade se submeteu à autoridade que estava sobre eles. Eles ficaram de “boca aberta com isso”, mas, Jesus lhes disse, que tal coisa não era motivo de tanta festa, porque a Autoridade com a qual expulsaram aqueles demônios vinha Dele. Quando Jesus viu Satanás caindo, naquele momento a Autoridade para que pudéssemos repreender toda obra das trevas nos foi dada.  Nossa alegria, no entanto, deve ser que o Nosso Nome está Escrito no Livro da Vida. Essa é a verdadeira alegria. 

Deus está por mudar a nossa maneira de ver o mundo!!!

·  CRISTO EXULTOU! Ele parece que gritou Goal! Jesus ficou feliz e louvou ao Pai feliz, porque Deus, O Eterno, escondeu estas coisas dos sábios e poderosos e ensinou aos simples e pequeninos. Talvez uma comparação entre os Capítulos 9 e 10? Pode ser! De qualquer forma, estes OUTROS 70, se tornaram para nós uma grande inspiração a seguir. 

·  Felizes são aqueles que forem, porque verão e ouvirão coisas que muitos profetas e reis de Israel desajaram ver e ouvir, mas, tais coisas estavam reservadas para nós. Estes pequeninos... Estes...

...OUTROS 70! Quem vai?!


Paulo de Tarso, apóstolo 

Igreja Apostólica Betlehem

quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Série: PLANTIO E COLHEITA - Tema: "Os 12 e o Jogo dos 7 Erros


TEMA: OS 12 E O JOGO
 DOS SETE ERROS

Luc. 9: 1 a 5  – “Tendo Jesus convocado os doze, deu-lhes poder e autoridade sobre todos os demônios, e para efetuarem curas. Também os enviou a pregar o reino de Deus e a curar os enfermos. E disse-lhes: Nada leveis para o caminho: nem bordão, nem alforje, nem pão, nem dinheiro; nem deveis ter duas túnicas. Na casa em que entrardes, ali permanecei e dali saireis. E onde quer que não vos receberem, ao sairdes daquela cidade, sacudi o pó dos vossos pés em testemunho contra eles.”

Na maneira de Jesus preparar os que seriam os Apóstolos do Cordeiro, O Senhor tinha um método que era: Primeiro realizar sinais maravilhosos, depois ensinar seus discípulos sobre as coisas do Reino dos Céus e então lhes dando autoridade para realizar as mesmas obras os enviava, para que fossem treinados na prática. Este é um bom o momento retratado no Capítulo 9 do Evangelho de Lucas.

É muito curioso ver que neste Evangelho, Lucas concentrou num mesmo capítulo 7 coisas erradas (muito erradas) que os 12 fizeram... Será que você pode acha-las? E em nossa vida e na maneira com que Cristo tem nos chamado e nos enviado a manifestar a Vida que Ele tem nos dado, você consegue ver os mesmos erros, ou outros mais?

Vamos aprender com os erros dos outros e buscar um coração sábio?

Vamos lá!

1º Os discípulos querem ficar sozinhos com Jesus.

Depois de um dia muito cansativo em que O Mestre passou todo o tempo ensinando as multidões sobre as coisas do Reino dos Céus, bem como curando enfermos, libertando cativos, e em certa hora, os discípulos muito cansados, pediram que Jesus despedisse as multidões, para que eles pudessem ficar sozinhos, só com o Senhor. A desculpa era boa: Para que as multidões que já estavam com muita fome, pudessem ir buscar alimento em alguma cidade... Mas, Jesus lhes disse: - “Deem vocês de comer às multidões!”

- AINDA HOJE QUEREMOS ENTRAR EM NOSSO QUARTO SECRETO E FICAR SOZINHOS COM JESUS E ADORÁ-LO E LHE PEDIR COISAS E APROVEITAR A DOCE COMUNHÃO DO ESPÍRITO SANTO... Mas, Jesus está mesmo é querendo as Multidões, para que a Graça que Ele nos tem dado (e que é INFINITA), possa tocar a muitos e muitos outros!

2º Pedro é repreendido por Jesus.

Depois de ter feito um golaço e pelo Espírito Santo ter reconhecido que verdadeiramente Yeshua era o MASHIACH de Israel, logo em seguida, Pedro sentiu-se orgulhoso, por ter sido a primeira pessoa a ter tido este tipo de revelação e no momento em que Jesus sentiu-se à vontade para falar claramente sobre a Sua Missão de morrer por todos nós na Cruz do Calvário, Pedro, sente-se suficientemente “EMPODERADO” (eu odeio esta palavra que inventaram – e este é o resultado de TODOS que se sentem assim...) Pedro confronta Jesus, dizendo para que Ele pare de falar sobre a sua Morte...

- JESUS DISSE: “Arreda de mim Satanás!”e ainda “vocês não estão pensando nas coisas de Deus e sim nas dos homens”... Que vergonha! O Pedro podia ficar sem essa... Porém, não é o mesmo que fazemos tantas vezes, querendo um Evangelho bonitinho em que tudo é cor de rosa ou azul bebê, quando na Verdade Jesus precisou morrer, sofrendo terrivelmente e derramando o Seu Sangue para que nossos pecados fossem perdoados?

3º Pedro é repreendido pelo Pai

- Num alto Monte em Israel (provavelmente o Monte Hermon), Jesus levou consigo a Pedro, Tiago e João e lá ele transfigurou-se, aparecendo aos seus discípulos de uma forma gloriosa e Eterna.

Ao lado do Mestre apareceram subitamente Elias e Moisés, e então, Pedro teve a grande ideia de fazer cabanas, para que eles todos ficassem ali, naquele ambiente tão maravilhoso... Que grande ideia!

NESTA HORA NÃO É JESUS QUEM REPREENDE PEDRO, É O PRÓPRIO PAI, DIZENDO: ESTE (JESUS) É O MEU FILHO AMADO! A ELE OUVI!!!!!!

4º Ao descer do Monte da Transfiguração...

Um homem muito triste foi procurar Jesus e passa a contar o seu problema, que com o seu filho que possuído por demônios há muitos anos era lançado na água e no fogo, quando aquele Mal se manifestava. Ao contar este problema a Jesus, de repente ele reconhece que tem um Grande Problema, mas, este homem SUGERE, que Jesus talvez tivesse um problema maior que aquele, ele disse:

... Meu filho está com este tipo de problema, mas, OS TEUS DISCÍPULOS NÃO CONSEGUIRAM EXPULSAR ESTE DEMÔNIO.

Jesus parece pensar alto e diz: - “Ó geração incrédula e perversa! Até quando estarei convosco e vos sofrerei?” (De quem parece Jesus estar reclamando...rssss)... E então disse ao pai do jovem:  - “Traze o teu filho.”

5º Dentro do mesmo capítulo 9 de Lucas, há o registro de uma discussão entre os discípulos de Jesus, sobre qual deles era o Maior...

ACREDITO EU, QUE TAL SITUAÇÃO NÃO PRECISA DE COMENTÁRIOS...

6º Vejam isso: Lc. 9: 49 e 50 “Falou João e disse: Mestre, vimos certo homem que, em teu nome, expelia demônios e lho proibimos, porque não segue conosco. Mas Jesus lhe disse: Não proibais; pois quem não é contra vós outros é por vós.”

Em outras Palavras: No lugar de ficar vendo o Ministério dos outros e o que eu tenho realizado na vida dos outros, ou se este ou aquele está certo ou errado, CUIDEM DO QUE EU TENHO DADO A VOCÊS, pois, quem não é CONTRA VOCÊS, ESTÁ NO TIME DE VOCÊS...

TUDO NUMA MESMA TACADA, NUM MESMO CAPÍTULO... Percebem?!

7º João e Tiago querem vingar-se de uns infiéis...

Jesus depois de se encontrar com Moisés e Elias, representantes da Leis e dos Profetas, que Yeshua veio cumprir, O Mestre vai resoluto à Jerusalém, pois era chegada a Sua Hora, como Cordeiro de Deus, que veio a este Mundo para resolver o grande e maior problema dos seres humanos: O Pecado. 

Discípulos se antecipam a Jesus e entrando numa cidade de Samaritanos, pedem pousada, mas, as pessoas daquela cidade não lhes dão lugar... Tiago e João ficam indignados e pedem a Jesus (autorização), para clamarem para que Fogo viesse do Céus (como nos dias de Elias) e toda aquela cidade e pessoas fossem mortos... E Jesus precisou dizer-lhes:

- “VOCÊS NÃO SABEIS DE QUE ESPÍRITO SOIS?”

O Mestre não veio como O Cordeiro de Deus, que em poucos dias se apresentaria como Ovelha Muda, diante de seus tosqueadores, para matar e destruir pessoas, mas, para perdoa-las, libertá-las e salvá-las... Para isso veio Jesus e é para isso que O Mestre nos está chamando e nos está enviando... Com as Boas Novas do Reino dos Céus... Que não veio e não se dá ainda hoje de forma aparente... O Reino de Deus está dentro de nós...

Depois de um Capítulo 9 de Lucas, sempre haverá um Capítulo 10! Não desista, Deus tem planos lindos para todos nós. Não deixemos de crer!

Paulo de Tarso, apóstolo 
Igreja Apostólica Betlehem

quarta-feira, 30 de outubro de 2019

Série: PLANTIO E COLHEITA - Tema: Trigo e Joio


TEMA: TRIGO E JOIO

Mt. 13: 24 a 30 e 36 a 43 – “Outra parábola lhes propôs, dizendo: O reino dos céus é semelhante a um homem que semeou boa semente no seu campo; mas, enquanto os homens dormiam, veio o inimigo dele, semeou o joio no meio do trigo e retirou-se. E, quando a erva cresceu e produziu fruto, apareceu também o joio. Então, vindo os servos do dono da casa, lhe disseram: Senhor, não semeaste boa semente no teu campo? Donde vem, pois, o joio? Ele, porém, lhes respondeu: Um inimigo fez isso. Mas os servos lhe perguntaram: Queres que vamos e arranquemos o joio? Não! Replicou ele, para que, ao separar o joio, não arranqueis também com ele o trigo. Deixai-os crescer juntos até à colheita, e, no tempo da colheita, direi aos ceifeiros: ajuntai primeiro o joio, atai-o em feixes para ser queimado; mas o trigo, recolhei-o no meu celeiro... Então, despedindo as multidões, foi Jesus para casa. E, chegando-se a ele os seus discípulos, disseram: Explica-nos a parábola do joio do campo. E ele respondeu: O que semeia a boa semente é o Filho do Homem; o campo é o mundo; a boa semente são os filhos do reino; o joio são os filhos do maligno; o inimigo que o semeou é o diabo; a ceifa é a consumação do século, e os ceifeiros são os anjos. Pois, assim como o joio é colhido e lançado ao fogo, assim será na consumação do século. Mandará o Filho do Homem os seus anjos, que ajuntarão do seu reino todos os escândalos e os que praticam a iniquidade e os lançarão na fornalha acesa; ali haverá choro e ranger de dentes. Então, os justos resplandecerão como o sol, no reino de seu Pai. Quem tem ouvidos [para ouvir], ouça.” 

Assim como houve um grande interesse dos discípulos pela Parábola do Semeador, também, esta Parábola gerou questionamentos dos discípulos de Jesus e ouvir o que Cristo revelou sobre a Parábola é fundamental. 

No entanto, a expressão “Joio no meio do Trigo”, se transformou numa expressão tão popular, que não é difícil crer que algumas pessoas nem saibam que quem falou sobre isso foi Jesus.

Também há muitas interpretações populares sobre como é o Joio e que mal ele pode causar. Uma das mais conhecidas e defendidas até por pessoas importantes na Igreja é que o Joio é uma Planta que diferente do Trigo não dá Sementes. Enquanto o Trigo terá seus cachos cheios de sementes e por isso torna-se pesado envergando, o Joio, mantem-se altaneiro, já que é oco... INFELIZMENTE, só de pensar no que Jesus falou já descartamos este pensamento, já que Jesus conta que o Inimigo SEMEOU O JOIO, ou seja... O Joio tem sementes!

Sendo assim, interpretações de que o Joio no meio da Igreja são pessoas infrutíferas, enquanto pessoas que são bem envolvidas em todos os “ministérios”, são “os filhos do Reino”. 

Para que possamos crescer no conhecimento de Deus, precisamos da Verdade e da Clara direção de Deus sem contaminação com nossas interpretações humanas e tendenciosas.


Como é o Joio?
Conhecida pelos nomes comuns de joio ou cizânia, a Lolium temulentum  é uma planta anual, de talo rígido, que cresce até 1 metro de altura, é considerada uma erva daninha. Contudo após maduro o joio é fácil identificar e arrancar, diferenciando assim o trigo do joio.
Como o joio cresce nas mesmas regiões em que é cultivado o trigo, a sua semelhança morfológica com aquela planta torna difícil a sua erradicação das searas, conferindo assim à espécie uma importante vantagem competitiva. A semelhança é tão grande que apenas pode ser distinguido com facilidade após a formação da espiga, o que leva a que seja por vezes referido como "falso-trigo". As espigas do trigo são castanhas quando maduras, enquanto que do joio são pretas.
O joio é frequentemente infectado por um fungo endófito  produtor de toxinas, e o alcaloide lolina, um insecticida de origem vegetal.
A frequente presença de toxinas de origem fúngica pode tornar as sementes de joio venenosas, pelo qual uma pequena quantidade de joio colhida e processada junto ao trigo pode comprometer a qualidade do produto obtido. Vem daí a famosa expressão "é preciso separar o joio do trigo", um ditado popular.

Compreendendo então um pouco melhor como age esta erva daninha, vamos para a Parábola que Jesus contou, procurando entender de que maneira podemos evitar os efeitos nocivos deste ataque de Satanás.

1º A Ação é do Inimigo

Ficou claro que o Joio são pessoas que o Inimigo (Satanás), vai lançar no meio dos Filhos de Deus. Como Jesus disse na Parábola: “o Inimigo semeou o Joio e retirou-se”. É curiosa esta frase já que com o “Joio” lançado, o Inimigo nem precisa estar presente. Sabendo da ação devastadora que será causada com o passar do Tempo com os Filhos do Inimigo lançados no meio dos Filhos de Deus, parece que Satanás nem tem tanto trabalho assim, já que os seus estarão agindo para subverter os Planos de Deus com um povo, com um campo de colheitas.

2º O Ataque se dá enquanto o Trigo é apenas um brotinho
Há uma época tão delicada do cultivo, (foco de nossa última ministração), que são demandados CUIDADOS específicos com as vidas que começaram a viver a Vida que Cristo nos deu. Este tempo de fragilidade e de cuidados, (segundo a Parábola do Joio e do Trigo), é o Momento em que O Inimigo vai se aproveitar para lançar o Joio. Pessoas comprometidas (ainda que sem perceberem com as Trevas e os valores do Mal).
3º O Descuido é uma oportunidade para o Agir das Trevas
É bem claro na Parábola que o Ataque da Semeadura do Joio se dá, quando os homens DORMEM. 
Juntando estas duas situações, precisamos concluir e agir em cima desta revelação que no momento de fragilidade por ser o início da Caminhada com Cristo, época de um discipulado pessoal, um cuidado de perto com os que estão se firmando. O Descuido com este momento na vida das pessoas, permite um violento e inescrupuloso ataque que não se manifestará naquela hora, mas, o Alvo é uma contaminação lá na frente, quando talvez a pessoa se tornar conhecida e respeitada por todos.

Uma das interpretações também da Ação do Joio em nosso meio, diz que o Joio refere-se à Palavras, ideias, posições que começam a se manifestar no meio da Igreja, e percebemos então que sim os Filhos do Maligno, serão os agentes das Trevas para lançar discórdia, confusão, fofoca, mentiras, sofismas, falsas doutrinas, etc.

Mas qual é o Joio (para ser arrancado e jogado fora) e qual é o Trigo?

NÃO CONSEGUIMOS DISTINGUIR COM FACILIDADE!

O problema não é arrancar o Joio, mas, destruir o Trigo.

Na busca por se extinguir problemas, falatórios, contendas, etc, por um “falso juízo”, podemos destruir o que é Puro, o que é de Deus, e uma vida apenas arruinada injustamente, não vale todo o Joio que foi lançado contra nós.

ESCÂNDALOS E OS QUE PRATICAM INIQUIDADE (ANOMIA).

Na explicação da Parábola a seus discípulos Jesus nos dá mais uma importante explicação de que os Filhos do Maligno são os que produzem “Escândalos” – Situações que fazem as pessoas simples tropeçarem. Jesus na Parábola do Semeador adverte de que os que recebem a Palavra de Deus, mas, as lutas advindas da decisão por uma vida segundo O Padrão Celestial, podem tornar-se uma Pedra de Escândalo (fazendo tais pessoas afastarem-se da Fé) e por isso concluímos ser tão importe o cuidado de perto da Lavoura. Ou seja, os escândalos podem estar sendo produzidos dentro da própria Igreja através de filhos da Maldade que estão gerando situações embaraçosas e de escândalo para que os fracos não permaneçam.

Os que praticam INIQUIDADE, (ANOMIA), Pessoas que vivem sem Lei, sem respeito aos Valores de Deus, sem Temor, sem respeito, produzindo escândalos, dissenções, facções, intrigas, no meio do Povo de Deus, além de viverem na Prática do Pecado, sem demonstrar qualquer arrependimento, justificando-se a si mesmo e zombando dos que vivem uma vida de Piedade e Temor Diante de Deus, vão tornar-se exemplos amargos que não escaparão do Justo Juíz, porém, depois de manifesto o problema temos que confiar que embora nós tenhamos dormido e não sido cuidadosos como deveríamos, O Senhor de Toda a Terra a seu tempo há de ver o que provém Dele e não.

O que fazer?

Vigiar, Cuidar, Ter atenção em pessoas que manifestando inúmeros problemas querem de fato a Cristo e aqueles que demonstram que não se submetem, não são ensináveis, não permitem uma mudança real de suas vidas. 

Não dormir, vigiar todo o tempo seria uma boa medida. Porém, não sabendo nós ainda quem são o Trigo e o Joio, podemos pregar o Evangelho e ajudar as pessoas que caminham conosco a se auto avaliarem:

Temos manifestado características de Trigo ou Joio?

Deus ainda pode mudar vidas e destinos. Uma oração sincera, o arrependimento do Veneno de disseminarmos discórdia, intrigas, injúrias, comentários perniciosos, maldosos que não edificam, podem evidenciar em nossas vidas a Maldade do Diabo. Mas, um verdadeiro arrependimento pode precipitar uma grande transformação que só Cristo pode realizar.

Veja em sua própria vida. Não olhe para o lado, olhe para dentro de você e se questione: Que tipo de fruto tenho eu produzido? 

Trigo para Alimento ou Veneno para a destruição e para escandalizar a muitos? Se descobrir que é um Joio, CRISTO PODE, transformá-lo num Trigo que vai produzir a 100 por Um.

Examine-se a si mesmo e DÊ OUVIDOS, (OUÇA – SE ARREPENDA – MUDE), este foi o último conselho de Jesus sobre este assunto tão importante.

Paulo de Tarso, Apóstolo
Igreja Apostólica Betlehem

quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Série: PLANTIO E COLHEITA - Tema: Cuidados



TEMA: CUIDADOS 

Mc. 4: 26 a 29 – “Disse ainda: O reino de Deus é assim como se um homem lançasse a semente à terra; depois, dormisse e se levantasse, de noite e de dia, e a semente germinasse e crescesse, não sabendo ele como. A terra por si mesma frutifica: primeiro a erva, depois, a espiga, e, por fim, o grão cheio na espiga. E, quando o fruto já está maduro, logo se lhe mete a foice, porque é chegada a ceifa.”

Para pessoas como a maioria de nós que vivemos em cidades e pensamos em sementes, apenas como as que damos aos nossos passarinhos, ao tratarmos deste assunto com o qual Jesus deu tanto exemplos sobre as coisas do Reino dos Céus, muitas vezes pensamos apenas: Nas sementes e na Colheita. Dois estágios.

Mas, certamente quem lida mesmo, com o dia a dia dos campos entre o Plantio e a Colheita existe um Processo que nós precisamos discernir já que Deus nos chama para trabalhar em Sua Lavoura, sendo nós, honrosamente chamados de os “Trabalhadores da Última Hora”. Precisamos discernir e nos aplicar totalmente e profundamente a este trabalho que vai honrar ao SENHOR DE TODA A TERRA.

      Nesta Parábola contada por Jesus, vemos novamente 4 tipos de pessoas (coisa que já exploramos bastante até agora), ou 4 momentos de nossa caminhada e em cada uma delas vai se requer cuidados específicos: 1º A Semente; 2º A Erva; 3º A Espiga e 4º Os Grãos na Espiga.

Sementes ou Grãos?

Grãos é o que comemos. Os grãos podem ser comidos como são; podem ser quebrados, feitos farinha com a qual se poderá fazer uma infinidade de produtos.

Sementes possuem um embrião que quando lançado na Terra vai brotar.

Nós falamos milhares de Palavras por dia. Quiça que a maioria delas sejam produtivas, construtivas, positivas, ainda que para trazer correção, ajustes, mas, que sejam palavras que edificam. Porém, quando em nossa boca está a PALAVRA DE DEUS, tais Palavras têm O Poder de Gerar FÉ no coração das Pessoas. A Palavra de Deus é a SEMENTE que tem o Poder de Brotar ao contato com um Coração sedento.

Neste sentido entra todo o processo que temos tratado de LANÇAR A SEMENTE numa Terra já preparada para que a Semente brote e a Terra AUTOMATICAMENTE produza.

A ERVA (BROTINHO)

Quando a Semente brota, surge uma pequena plantinha. Um brotinho, uma ou outra folhinhas, tão delicadas, tão sensíveis, tão frágeis. Ainda que seja o brotinho de um Cedro do Líbano, quando apenas um pequeno broto é muito frágil. 

A fragilidade não é um defeito. É um estado, ou um estágio. Isso nos mostra a necessidade do CUIDADO. Se um animal qualquer pisar num brotinho deste... PRONTO! Destruiu o que poderia ser uma planta extremamente frutífera.

Os primeiros passos no Evangelho são momentos muito delicados. Há uma força, uma Alegria, uma sensação boa de pertencer, mas, ao mesmo tempo uma fragilidade tão grande pelo absoluto desconhecimento das coisas espirituais, da Nova Vida que nos está propondo Jesus e ser cuidados nesta fase de nossa vida cristã é FUNDAMENTAL. 

Jesus chama isso de Discipulado. O cuidado com pessoas que acabaram de se converter. Sementes que acabaram de brotar em corações e que precisam conhecer quem Deus é, o que Cristo realmente fez por elas e que O Espírito Santo já está atuando em suas vidas.

Jesus nos ordenou fazer discípulos de todas as nações. Não só entre os africanos, europeus, asiáticos, americanos, índios, etc... Mas, também entre os skatistas, surfistas, médicos, advogados, donas de casa, homens de negócios, homens do comércio, moradores de rua, estudantes de universidades... EM TODAS AS NAÇÕES DA TERRA.

Os cuidados não são feitos por alguém que prega num domingo à noite, mas, com quem vai andar com estas pessoas cujos corações acabaram de brotar a Semente da Palavra de Deus que lhes foi lançada. ISSO NÃO É TEÓRICO! É PRÁTICO!

Poderíamos comparar o lançar a Semente com o trabalho EVANGELÍSTICO, que todo cristão deve se envolver, sendo que para isso, Deus nos deu Evangelistas cujos dons nos inspiram e ensinam a como participar desta obra tão linda.
Já o cuidado com a Plantinha, indubitavelmente nos remete aos cuidados pastorais, que todo cristão (cada um de nós), deve ter com pessoas que caminham perto de nós e que recentemente se converteram a Jesus. Deus tem nos dado excelentes Pastores para cuidar de nós, mas, também para nos ensinar a cuidar de muitos, pois esta obra não é de homem algum, mas, de Cristo através de nós. 

A ESPIGA

Nesta fase da Planta, já vemos potencial para uma grande frutificação. Os cuidados nesta fase naturalmente são outros, já que a plantinha cresceu com vigor, e agora está prestes a produzir. Talvez o adubo certo, alguma poda necessária, sejam os cuidados que se devam ter com esta ou aquela espécie, mas, quando pensamos no Reino de Deus, entendemos que quando o Cristão está firmado em Deus, tendo já sido discipulado, sabendo quem é em Cristo Jesus. É fundamental que ele cresça em conhecimento da Palavra de Deus. Que se aprofunde criando raízes sólidas absorvendo todos os elementos que vão lhe permitir produzir muito na hora certa. Comparamos esta fase da vida da planta com o Ministério de Ensino, tão necessário para que possamos ser muito frutíferos. 

Há pessoas que pensam que porque Deus usa a todas as pessoas, desde as mais simples. Pessoas iletradas (alguns totalmente analfabetos), alguns que parecem ser tão ignorantes, mas, que creem em Jesus e falam do Amor de Deus e desta forma tocam outras vidas, que o Padrão é ser ignorante e desprovido de conhecimento, quando é o contrário!

Deus usa e quer e vai usar todo mundo, mas, quanto mais tivermos condições para Deus nos usar em situações inusitadas, para tipos de pessoas que parecem mais difíceis, nós seremos mais frutíferos.

Conhecer a Palavra de Deus é OBRIGAÇÃO DE TODOS NÓS. Procurar entender o Mundo em que vivemos pela ÓTICA DA PALAVRA DE DEUS é FUNDAMENTAL. Conheço muitas pessoas que amo e que servem a Deus com sinceridade, mas, que pregam um evangelho com uma ótica humana, procurando justificar as ações das pessoas, ou orientá-las, de forma psicológica, humanista, condescendente, mas, que não buscam crescer no CONHECIMENTO DE DEUS, para que os frutos não sejam pessoas que as achem “pessoas legais”, mas, pessoas que vão ter Cristo muito bem firmado em seus corações e então... Tais pessoas terão condições de dar muito fruto. Espigas prontas para dar muitas sementes!

Sim, Deus nos tem dado Mestres que nos ensinam coisas profundas de Deus, mas, tais pessoas são uma inspiração e uma fonte para que possamos cada um de nós aprendermos mais a ponto de nos tornarmos aptos para uma GRANDE FRUTIFICAÇÃO.

OS GRÃOS CHEIOS NA ESPIGA

Antes uma Semente que morreu. Agora uma Espiga cheia de muitíssimas sementes. Uma plantinha com várias espigas... QUE SOBRENATURAL É VER ISSO!

Tive (Ap. Paulo de Tarso falando), a honra de conhecer um jovem quando sonhava namorar uma moça com a qual ele se casou. Este jovenzinho me pediu que orasse por ele para que pudesse ser batizado no Espírito Santo. Oramos e o Poder do Espírito Santo encheu sua vida. Este jovem cresceu em Cristo, se casou, mergulhou na Palavra, estudou muito a Bíblia, e se dedicou em especial em conhecer a Deus através do Espírito Santo, buscando através da oração e da comunhão com Deus experiências que marcaram sua vida de forma muito especial. Aquele jovem hoje é um Profeta tão cheio de sementes, tão cheio da Vida de Deus, pronto a ser um instrumento de Deus para através do Sobrenatural do Senhor fazer com que cidades e nações sejam cheias de Frutos para o Nosso Deus. 
Ele não apenas tem incontáveis sementes em sua espiga, ele é um dos exemplos que temos do Ministério Profético para que todos nós, TODOS NÓS, busquemos a Deus e possamos sair do Natural pra o SOBRENATURAL. De uma semente que morreu para uma espiga cheia de grãos... pronto a Semear. Este é o Profeta Roger Anderson dos Santos, casado com sua amada Pastora Fernanda e pai de três lindos filhos: Amanda Hadassa, Leonardo Tzfat e Manuella.

Deus nos tem dado profetas e o Ministério Profético, não apenas para que sementes sejam lançadas em nós (Palavras e Profecias), mas, para que nós todos pelo SOBRENATURAL DE DEUS, possamos nos transformar em ESPIGAS CHEIAS DE GRÃOS.

Onde está o Apostólico?

No envio. Na prática. No realizar. No manifestar.
Uma espiga cheia de grãos pode dar uma linda foto. Mas, a espiga colhida, debulhada, pode conter incontáveis sementes, que vão produzir numa proporção celestial.

Encerro com a lembrança do nosso Pai Abraão. Que aos seus olhos era apenas uma sementinha, mas, que ante o Sobrenatural de Deus viu como poderia ser sua descendência...

Gn. 15: 5 e 6 – “Então, conduziu-o até fora e disse: Olha para os céus e conta as estrelas, se é que o podes. E lhe disse: Será assim a tua posteridade. Ele creu no SENHOR, e isso lhe foi imputado para justiça.”

Tal qual a semente assim serão os frutos. Toda semente vai gerar segundo à sua espécie. Assim como filhos de Abraão, nosso Pai, somos nós hoje frutíferos... Conte as estrelas! Rsss (Se é que podes...) 

Abraão creu e isso lhe foi imputado por Justiça...
O que você vai fazer, BEN AVRAHAM (filho de Abraão)?


Paulo de Tarso, apóstolo 
Igreja Apostólica Betlehem